Pular para o conteúdo principal

SUPER ALIMENTOS-A ALIMENTAÇÃO DO FUTURO








Super Alimentos
A alimentação e os remédios do futuro

David Wolfe-Editora Alaúde

Descrição

Diante da escalada alarmante dos casos de obesidade e de doenças degenerativas crônicas, um número cada vez maior de pessoas tem se voltado para os alimentos orgânicos e para os métodos naturais de manutenção da saúde. Entre os gurus da nova onda da nutrição, David Wolfe é um dos mais ativos e respeitados. Adepto dos alimentos vegetais crus e vivos, neste livro ele descreve as propriedades nutricionais e medicinais de superalimentos como o cacau, a semente de cânhamo, a espirulina e a maca, entre outros – fontes excepcionais de proteínas, minerais, enzimas, antioxidantes e gorduras saudáveis. Com informações cientificamente comprovadas, Superalimentos – a comida e os remédios do futuro é um guia prático e acessível para quem deseja vitaminar a dieta, promover a saúde e ajudar a revitalizar o planeta e a si mesmo.

David Wolfe
Nasceu em 6 de agosto de 1970, perto da cidade de Nova York. É reconhecido por seus pares como uma das maiores autoridades mundiais em nutrição. Filho de médicos, ele contribui com um ponto de vista único para o universo dos superalimentos. Graduado em engenharia ambiental, ciências políticas e direito, é também mestre em nutrição viva e dá aulas no programa de mestrado do doutor Gabriel Cousens. Desde 1995 David Wolfe vem percorrendo os Estados Unidos, o Canadá, a Europa e a América do Sul com suas palestras e seminários. Assessor de celebridades de Hollywood e de alguns empresários proeminentes, organiza seis retiros anuais de saúde. Fundou e administra a revista on-line de nutrição The Best Day Ever e a Fruit Tree Planting Foundation, organização sem fins lucrativos cujo objetivo é plantar 18 bilhões de árvores frutíferas. Este é o primeiro livro do autor publicado no Brasil.
Pontos importantes
O autor é badalado e cuida de algumas celebridades de Hollywood.
As propriedades nutricionais de cada superalimento são apresentadas com muitos detalhes, tanto no texto principal quanto nos apêndices, que trazem tabelas.
Um dos apêndices traz resumos das pesquisas científicas que embasam as teses do autor.
Tem receitas para cada superalimento citado.

Alguns dos Super alimentos que você vai conhecer neste livro


Goji Berry

Esta seria a fruta que melhor representa os super alimentos, pois ela não somente é rica em determinados tipos de nutrientes, mas ela é saborosa. Talvez outros alimentos possam até ser mais nutritivos em Fe, Ca, Mg, etc, mas poucos são possíveis de comer assim como se come um caramelo.



Cacau


Simplesmente o alimentos com a maior concentração de anti-oxidantes do mundo, precisa dizer algo mais?
Sim e este livro vai te dar uma aula sobre como os astros de cinema americano evitam perder as gravações milhonarias apenas trabalhando corretamente a alimentação.



Babosa

Muita gente sabe que a babosa é milagrosa, mas pouca gente sabe como usá-la corretamente.


Açaí
O melhor deste livro é que a grande maioria dos super alimentos estão disponíveis para nós Brasileiros. Esta é a grande vantagem de ser um super País.



SUPERFOODS (Superalimentos)
Superalimentos
Os Superalimentos estão na moda pelo mundo fora. E por boas razões. Diferentemente da maior parte das modas, esta está para ficar e é benéfica para todos os que a ela aderirem.
Tendo sido introduzidos no mundo ocidental nas últimas duas décadas por nutricionistas de renome como Ann Wigmore, Gabriel Cousens ou David Wolfe, os Super-Alimentos rapidamente se celebrizaram e muitas são as pessoas que hoje em dia os utilizam regularmente como parte do seu menu alimentar diário.
E o que são os Superalimentos?
São alimentos super-concentrados energeticamente, dando-nos uma enorme quantidade de nutrientes de uma forma natural, equilibrada e facilmente assimilável pelo nosso organismo. São dádivas da natureza, substâncias 100% naturais que têm uma capacidade extraordinária de transformar a nossa saúde. Estes alimentos vão muito para além da simples nutrição que outros alimentos nos dão. Eles desempenham um papel importante na prevenção de muitas das doenças da nossa sociedade actual e são extremamente válidos como parte integrante de um estilo de vida saudável. Alguns exemplos mais conhecidos são: Bagas de Goji, Erva de Trigo (wheatgrass), Clorela, Spirulina, Nibs de Cacau cru, Maca, Lucuma, etc.
Como nos podem ajudar?
Nos dias de hoje é muito difícil obtermos tudo o que o nosso corpo necessita (mente, emoções e espírito também incluídos) através dos alimentos. O solo está empobrecido e consequentemente os valores nutricionais dos alimentos decresceram de uma forma alarmante nos últimos 60 anos (principalmente com o advento dos pesticidas usados em massa). A isto acrescentamos o stress a que estamos expostos diariamente através da enorme variedade químicos existentes na nossa sociedade moderna. Os Superalimentos vêm em nosso auxílio. Todas as pessoas podem beneficiar com o seu uso; o mínimo que podem fazer por nós é aumentar o nosso nível de energia, encher-nos de força para que consigamos dar conta dos múltiplos afazeres das nossas vidas super ocupadas e também reforçar o sistema imunitário para estarmos sempre em excelente forma e saudáveis.
Tantos de nós hoje em dia nos habituamos a sentir cansados e desgastados, ou tendo que lidar com sintomas crónicos como Síndroma Pré-Menstrual, má digestão, irritabilidade, dores de cabeça, etc. Não tem que ser assim; não fomos criados para sofrer. É um direito adquirido à nascença termos saúde, alegria, amor, satisfação, abundância. Os Super-Alimentos ajudam-nos a voltar a encontrar estas qualidades em nós, muitas vezes perdidas ou esquecidas.
O começo da viagem
Cada pessoa é um mundo à parte, tem necessidades e gostos diferentes e por isso devem iniciar a viagem pelo mundo dos Superalimentos, experimentando os que lhe chamam mais a atenção, guiando-se pela sua intuição e curiosidade, e depois julgando por si próprio os que se adaptam melhor a si.
Não há uma dosagem recomendada para a maior parte destes alimentos. Todos eles são 100% naturais, do reino vegetal, sem nenhuns efeitos secundários prejudiciais. Não existe o risco de sobredosagem. Mas há que ter em conta que eles são extremamente concentrados/potentes e como tal, se ingerir demasiada quantidade num curto espaço de tempo, é natural que o corpo reaja com uma crise de cura e terá depois de fazer um esforço extra para reencontrar o equilíbrio perdido. O melhor então será começar com doses pequenas, ver como o corpo reage e aumentar progressivamente até uma dosagem que lhe seja confortável e proporcione os efeitos desejados.
Uma última nota: Devem preferir-se produtos alimentares sem pesticidas, ou seja, biológicos ou colhidos selvagens. São muito mais saborosos e saudáveis e ajuda-nos a tomar responsabilidade e fazer parte do movimento da cura do nosso planeta. Tratar da Terra é cuidar da nossa casa e da casa das gerações futuras, dos nossos filhos, netos, bisnetos... Todos podemos contribuir de uma forma útil, prática e lógica para o embelezamento do nosso mundo, ao comprarmos alimentos ecológicos. Apoiar os agricultores biológicos é apoiar o ambiente, a sustentabilidade, a ecologia. Eles são heróis dos tempos modernos, pois são eles que estão a fazer o valioso trabalho de reconversão dos nossos solos empobrecidos, permitindo assim que a natureza volte ao seu estado natural de riqueza, beleza, força e abundância. O tempo dos pesticidas acabou. A era dos biológicos está para ficar.

Superalimentos

Os Superalimentos estão na moda pelo mundo fora. E por boas razões. Diferentemente da maior parte das modas, esta está para ficar e é benéfica para todos os que a ela aderirem.
Tendo sido introduzidos no mundo ocidental nas últimas duas décadas por nutricionistas de renome como Ann Wigmore, Gabriel Cousens ou David Wolfe, os Super-Alimentos rapidamente se celebrizaram e muitas são as pessoas que hoje em dia os utilizam regularmente como parte do seu menu alimentar diário.

Fonte : pharmabiz


Cacau, mel e açaí são alimentos com imenso

potencial

nutritivo e medicinal


"Está na hora de aproveitar os benefícios das

enzimas vivas"


Grau de dificuldade: Fácil


Tempo de preparo: Até meia hora
Os superalimentos são um grupo específico de plantas comestíveis com imenso potencial nutritivo e medicinal. De acordo com David Wolfe, autor do livro "Superalimentos" um novo dia está nascendo no mundo da alimentação. "Mais e mais pessoas estão se voltando para os alimentos orgânicos e para métodos naturais de alcançar a saúde", explica.
O autor conta que essa comida saudável abrange três grupos de alimentos que são conhecidos há muito tempo e que nós estamos redescobrindo:
- Alimentos vegetais crus e vivos
- Superalimentos
- Superervas
No livro, o especialista afirma que 'ingerir superalimentos é um modo de garantir os nutrientes necessários para sermos saudáveis durante toda a vida, já que eles são naturais e fornecem em abundância elementos nutricionais em estado natural, que agem juntos no organismo, de uma maneira que os cientistas ainda não compreendem completamente.
Mas, afinal, quais são os superalimentos?
Os dez melhores superalimentos, de acordo com Wolfe, são...
goju,cacau,maçã,produtos de abelha (mel, pólen, própolis e geleia real), espirulina,alga azul, AFA, fitoplâncton marinho, aloe vera (babosa), semente de cânhamo e coco.
E o que eu faço com isso? Bato no liquidificador e tomo como vitamina?
Não. Cada superalimento apresenta, por si só, uma boa diversidade de receitas. Felizmente, após apresentar detalhadamente cada um, desde nome científico, onde encontrar e quais as razões de ser um nutriente importante para o corpo, Wolfe apresenta algumas receitas simples e gostosas para os novos entusiastas dos superalimentos.
Quais doenças podem prevenir?
Para o especialista, a partir destes alimentos é possível reestruturar o sistema imunológico, atendendo a todas as necessidades do corpo e fazendo-o funcionar de forma saudável.
Da mesma forma, sintomas de quase todas as principais doenças podem ser combatidas, como as alergias, artrite, asma, baixa imunidade, câncer (todos os tipos), depressão, diabetes, distúrbio de deficit de atenção e hiperatividade, doenças de pele, doenças do coração, hepatite, insônia, pressão arterial, entre algumas outras.
E o que mais?
David Wolfe aproveita as páginas, como explica, para fazer sete menções honrosas, pois 'os alimentos citados são superalimentos por mérito próprio e não estão na minha lista dos dez mais por razões estritamente pessoais, mas podem estar na sua.'
São eles... açaí, camu-camu, clorela, physalis, kelp, noni e yacon.
Ingredientes
cacau a gosto
mel a gosto
açaí a gosto

Cacau, mel e açaí são alimentos com imenso potencial nutritivo e medicinal

Os superalimentos são um grupo específico de plantas comestíveis com imenso potencial nutritivo e medicinal. De acordo com David Wolfe, autor do livro "Superalimentos" um novo dia está nascendo no mundo da alimentação. "Mais e mais pessoas estão se voltando para os alimentos orgânicos e para métodos naturais de alcançar a saúde", explica.

O autor conta que essa comida saudável abrange três grupos de alimentos que são conhecidos há muito tempo e que nós estamos redescobrindo:

- Alimentos vegetais crus e vivos
- Superalimentos
- Superervas

No livro, o especialista afirma que 'ingerir superalimentos é um modo de garantir os nutrientes necessários para sermos saudáveis durante toda a vida, já que eles são naturais e fornecem em abundância elementos nutricionais em estado natural, que agem juntos no organismo, de uma maneira que os cientistas ainda não compreendem completamente.

Mas, afinal, quais são os superalimentos?

Os dez melhores superalimentos, de acordo com Wolfe, são...

- goju;
- cacau;
- maca;
- produtos de abelha (mel, pólen, própolis e geleia real);
- espirulina;
- alga azul AFA;
- fitoplâncton marinho;
- Aloe vera (babosa)
- semente de cânhamo;
- coco e seus subprodutos

E o que eu faço com isso? Bato no liquidificador e tomo como vitamina?

Não. Cada superalimento apresenta, por si só, uma boa diversidade de receitas. Felizmente, após apresentar detalhadamente cada um, desde nome científico, onde encontrar e quais as razões de ser um nutriente importante para o corpo, Wolfe apresenta algumas receitas simples e gostosas para os novos entusiastas dos superalimentos.

Quais doenças podem prevenir?

Para o especialista, a partir destes alimentos é possível reestruturar o sistema imunológico, atendendo a todas as necessidades do corpo e fazendo-o funcionar de forma saudável.

Da mesma forma, sintomas de quase todas as principais doenças podem ser combatidas, como as alergias, artrite, asma, baixa imunidade, câncer (todos os tipos), depressão, diabetes, distúrbio de deficit de atenção e hiperatividade, doenças de pele, doenças do coração, hepatite, insônia, pressão arterial, entre algumas outras.

E o que mais?

David Wolfe aproveita as páginas, como explica, para fazer sete menções honrosas, pois 'os alimentos citados são superalimentos por mérito próprio e não estão na minha lista dos dez mais por razões estritamente pessoais, mas podem estar na sua.'

São eles...

- açaí
-camu-camu
- clorela
-physalis
- kelp
- noni
- yacon

Fonte: Livraria da Folha


“Suco Super-Homem” (antienvelhecimentos e afrodisiaco)
100g de Açaí (1 polpa congelada)
100g de Cacau (1 polpa congelada)
300ml de suco de laranja.
1 colher de chá de Maca

Bata no liquidificador todos os ingredientes. Adoce se necessário. Não é a toa que esse suco é chamado de Super-Homem, já que nele conte três SuperAlimentos: o cacau, açaí e a Maca. É um suco antioxidante, por causa do açaí e do cacau, um suco ‘afrodisíaco’, devido ao cacau e a maca, e podemos dizer também que é um suco ‘imunizador’ por causa da vitamina C presente na laranja.

Suco “Mulher-Maravilha”(Hidratação da pele)

400ml de leite de coco
50ml de leite
2 bananas maduras
1 talo de capim limão

Bata no liquidificador todos os ingredientes. Dica: se a banana estiver congelada, o suco fica mais refrescante. É um suco extremamente calmante. Por isso, faz bem a pele. A Banana diminui a circulação sanguínea (por isso evita câimbras), deixando você mais calmo. O leite de coco, sendo um SuperAlimento, contém muitos nutrientes sendo um deles potássio, presente também na banana. O Leite é rico em proteínas e o Capim Limão e fonte de vitamina A. Beba esse suco nutritivo.

Suco “Flash”(Perda de peso)

300ml de água de coco
5 cubos médios de abacaxi
6 folhas de hortelã

Bata tudo no liquidificador. Este suco (abacaxi com hortelã) é um suco digestivo. Mas acrescente a água de coco para potencializar seu suco, e deixá-lo com mais nutrientes. A Água de Coco é uma água rica em nutrientes, e deixa seu suco mais refrescante. Experimente!

Suco “Hulk”(ganho de massa muscular)

4 maçãs
3 cenouras descascadas
2 colheres de chá de espirulina

Passe alternadamente pela centrifuga a maçã com a cenoura. Depois misture a espirulina com o suco. É um suco energizante, principalmente pela espirulina, pela sua alta concentração de Espirulina. O melhor desse suco, é que não precisa de açúcar, já que a maçã é bem doce. Experimente este suco.



Os superalimentos são alimentos superconcentrados energeticamente, que aportam uma enorme quantidade de nutrientes de uma forma natural, equilibrada e facilmente assimilável pelo organismo. São dádivas da natureza, substâncias 100% naturais que têm uma capacidade extraordinária de actuar sobre a saúde. Estes alimentos vão muito para além da simples nutrição de outros alimentos ? com efeito, eles desempenham um papel importante na prevenção de muitas das doenças da sociedade actual e são extremamente válidos como parte integrante de um estilo de vida saudável. Alguns exemplos mais conhecidos são as Goji berries, a erva de trigo (wheatgrass), a clorela, a spirulina e o cacau crú.



ESPIRULINA









Uma super alga marinha riquíssima em proteína e que contém todos os aminoácidos essenciais, além de B12( apesar de não ser a mesma que nosso
o corpo nessecita). Segundo estudos de Gabriel Cousen, o papa da Alimentação viva nos EUA, percebeu-se uma diminuição dos sintomas da falta de B12 com o uso desta alga.

Possui alto teor de Ferro e B2 (ou riboflavina) que é uma vitamina super importante para dores musculares e outras aplicações super interessantes.

Alto teor de clorofila, magnésio e ferro. Um exelente alimento para levar em viagens, passeios e para o dia-a-dia também, para quem busca turbinar a alimentação. O mais interessante seria alternar seu uso com clorela.
- 60 a 71% de proteínas de alta absorção, incluindo todos os amino ácidos essências e lém deste mais outros 10. Amais alta concentração de proteínas encontrada em alimentos.

- Rica em vitamina A, B1, B2, B6 Vitamina


E e K.

-clorofila, sais minerais como Magnésio,


Cobre, Manganês.

- Fonte de ômega 3 (GLA), ácidos graxos essênciais e subtâncias anti-flamatórias para um sistema nervoso saudável.

- Excelente fonte de antioxidantes, como betacaroteno, Clorofila, Zeaxantina (ótimo para problemas de visão), ficocianina (estimula a produção de células tronco) e vitamina C.

- 1 colher de sopa de 28g pode ofercer 44% das necessidades de ferro do organismo. 85% das necessidades de Cobre.


Mel: superalimento aliado da beleza

 
Alimento milenar, as propriedades do mel são celebradas por diversas culturas. Considerado um superalimento, é nutritivo e pode combater doenças. E produtos da abelha como a geleia real são ricos em elementos que combatem o envelhecimento da pele. Ou seja: beleza garantida. Essas propriedades fazem com que ele seja usado como base de inúmeros cosméticos. Mas seu consumo "in natura" garante resultados ainda mais duradouros.

As propriedades do mel são reforçadas pelo escritor David Wolfe, no recém-lançado “Superalimentos – A Alimentação e os Remédios do Futuro” (Alaúde). “É rico em minerais, antioxidantes, probióticos e enzimas (...) é também um alimento extremamente medicinal, que fornece uma forma muito digerível e suave de açúcar”.

“O mel é uma fonte rica de energia, elevando a glicose no sangue quase que imediatamente após a sua ingestão”, explica o médico e nutrólogo João Curvo. Uma dica de Curvo é consumi-lo pela manhã, logo ao acordar. “Uma colher de chá em jejum pode ajudar no despertar, ‘limpando a garganta’, removendo mucos e elevando a glicose no cérebro”.
Bom para a saúde e rejuvenescedor
A sabedoria popular já se beneficia há muito tempo dos benefícios terapêuticas do mel. “O mel é mucolítico, ou seja, fluidifica secreções respiratórias, como catarros, pigarros, mucos”, explica Curvo. A própolis, extraída da colmeia, também é usada para este fim. “A própolis é considerado um antibiótico natural e é indicado nas faringites de repetição”.

O pólen e a geleia real não ficam atrás. “O pólen é fonte de aminoácidos, minerais e vitaminas, e pode ser consumido na dose de uma colher de sobremesa ao dia”, recomenda o médico. E a geleia real, rica em aminoácidos, tem efeito antienvelhecimento. “Segundo a dietética energética chinesa, atua a energia dos rins, responsável pelo vigor físico e sexualidade. É considerado também um alimento regenerador de tecidos".

O mel também é usado em máscaras de beleza e cosméticos pelo seu conhecido poder de hidratação e cicatrização. Dizem, inclusive, que até mesmo Cleópatra usava. No caso das máscaras, elas devem ser feitas com o orientação de um profissional.

Consumo sem exageros

Mesmo com tantos benefícios, o mel deve ser consumido com moderação.“Pode aumentar a vontade de comer doces em quem as tem exacerbadas”, explica o médico, que o veta aos diabéticos: “ele pode estimular muito o pâncreas na fabricação de insulina”. Por isso, não subsitui os adoçantes artificiais.

Quanto às calorias, não há tanta diferença em relação ao açúcar.“O açúcar, para quem não tem problemas com seu uso, que deve sempre ser moderado, pode ser substituído pelo mel, mas sem qualquer vantagem - só pelo prazer”, diz.


Fonte: GNT







Superalimentos - descubra os seus poderes extraordinários
Os superalimentos estão na moda pelo mundo fora. E por boas razões. Diferentemente da maior parte das modas, esta está para ficar e é benefica para todos os que a ela aderirem. Verdade!

Tendo sido introduzidos no mundo ocidental nas ultimas duas décadas por nutricionistas de renome como Ann Wigmore, Gabriel Cousens ou David Wolfe, os superalimentos rapidamente se celebrizaram e muitas são as pessoas que hoje em dia os utilizam regularmente como parte do seu menu alimentar diário.

E o que são os superalimentos?

São alimentos superconcentrados energeticamente, dando-nos uma enorme quantidade de nutrientes de uma forma natural, equilibrada e facilmente assimilável pelo nosso organismo. São dádivas da natureza, substâncias 100% naturais que têm uma capacidade extraordinária de transformar a nossa saúde. Estes alimentos vão muito para além da simples nutrição que outros alimentos nos dão. Eles desempenham um papel importante na prevenção de muitas das doenças da nossa sociedade actual e são extremamente válidos como parte integrante de um estilo de vida saudável. Algus exemplos mais conhecidos são: Goji berries, erva de trigo (wheatgrass), clorela, spirulina, cacau crú, maca, ....

Como nos podem ajudar?

Nos dias de hoje é impossivel obtermos tudo o que o nosso corpo necessita (mente, emoções e espírito tambem incluídos) através dos alimentos. O solo está empobrecido e consequentemente os valores nutricionais dos alimentos decresceram de uma forma alarmante nos últimos 60 anos (principalmente com o advento dos pesticidas usados em massa). A isto acresce o stress a que estamos expostos diariamente através da multitude de químicos existentes na nossa sociedade moderna.Os superalimentos vêm em nosso auxilio. Todas as pessoas podem beneficiar com o seu uso; o mínimo que podem fazer por nós é aumentar o nosso nível de energia, encher-nos de força para que consigamos dar conta dos múltiplos afazeres das nossas vidas super ocupadas e tambem reforçando o sistema imunitario para estarmos sempre em excelente forma e super saudáveis.

Tantos de nós hoje em dia nos habituamos a sentir cansados e desgastados, ou tendo que lidar com sintomas crónicos como Síndroma Pré-Menstrual, má digestão, irritabilidade, dores de cabeça, etc. Não tem que ser assim; não fomos criados para sofrer. É nosso direito de nascença termos saúde, alegria, amor, satisfação, abundância .... Os superalimentos ajudam-nos a voltar a encontrar estas qualidades em nós, muitas vezes perdidas ou esquecidas.

Postagens mais visitadas deste blog

MACA PERUANA E FERTILIDADE

Maca Peruana para melhorar a fertilidade?
Você já ouviu falar em Maca Peruana? Não! Pois bem, a Maca peruana é uma planta originária dos Andes, que parece um rabanete e cresce no alto das cordilheiras. Acredita-se que esta planta, cujas plantações sobrevivem em ambiente inóspito por cerca de 500 anos, tem uma boa ação como fortificante, revitalizante e aumenta a fertilidade das pessoas que a consome. Infelizmente ainda são poucos os estudos científicos comprovando os efeitos benéficos da Maca, entre eles estaria também o seu efeito como hipoglicemiante, tendo em vista que trata-se de uma planta rica em fibras. Segundo o endocrinologista Gustavo Gonzales, que tem a maioria dos artigos publicados sobre a maca, afirma que a planta tem realmente um bom potencial como afrodisíaco, mas que vai além, aumentando a contagem de espermatozoides nos machos e diminui a mortalidade dos embriões em fêmeas, ou seja, aumenta a FERTILIDADE. A maca é muito indicada para as pessoas que sofrem com a falta de…

DIETA DA GOJI BERRY EMAGRECE ATÉ 2 KILOS POR SEMANA : O NOVO SUPERALIMENTO DA MODA

Goji berry ajuda a queimar calorias / Foto: Shutterstock

Dieta da goji berry emagrece até 2 kg por semana
publicado em 30 de de agosto 2012 por Helena Dias Por Naiara Albuquerque
A goji berry ainda é uma novidade em terras tupiniquins, mas há milhares de anos a fruta é cultivada e adorada pelos orientais. Os chineses, por exemplo, gostam tanto dela que  organizam festivais anuais e até ergueram uma estátua em homenagem ao cultivo das árvores dagoji berry. O produto, originário da região sul da Ásia – China, Tibete e Índia –, começa a ganhar adeptos por aqui de olho nos componentes naturais que ajudam a queimar a gordura acumulada nas regiões dabarriga, da coxa, do bumbum e dos culotes, evitam o envelhecimento precoce da pele e ainda aumentam a imunidade. Com uma lista de propriedades enorme, ela se destaca pela alta concentração de vitaminas: cada 100 gramas, ou 1 xícara (chá), de goji seca contém 2.500 miligramas de vitamina C, uma quantidade 50 vezes maior que uma laranja. Para comprovar o…

AS MÚLTIPLAS FUNÇÕES DA MACA

Recém- chegada no Brasil, a Maca é o nutritivo superalimento dos Andes
e já está disponível na Mundo Verde
O elevado valor nutricional faz da Maca Peruana um poderoso superalimento, com alto teor de carboidratos, fibras, proteínas, lipídeos (ácido linolênico, ácido palmítico e ácido oleico), minerais, como cálcio, magnésio, fósforo, potássio, zinco, selênio e ferro, e vitaminas B1, B2, C e E. O tubérculo com formato semelhante ao do rabanete é um dos alimentos mais nutritivos que existem. “Os diversos nutrientes do Ginseng do Andes, como também é conhecido este superfood, atuam na prevenção e tratamento de algumas doenças”, afirma Thais Souza, nutricionista da rede Mundo Verde. A maca é nativa do local com menos quantidade de vegetação e mais alto da Cordilheira dos Andes, extraída de uma altitude superior a 4 km, onde as temperaturas são extremas – com calor intenso pela manhã a noites frias com geadas e ventanias, e o oxigênio é escasso. Auxilia na prevenção e tratamento de doenças card…